Fetrafi questiona aumento de salário para diretoria do Banrisul

Na sessão plenária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul desta terça-feira, dia 7 de maio, a votação para aprovar a contratação de Cláudio Coutinho para a presidência do Banrisul e de outros cinco nomes para compor a diretoria do Banco foi adiada. O motivo foi a falta de quórum, mas durante os encaminhamentos, o deputado Sebastião Melo (MDB) questionou o salário que será oferecido ao staff. Salário esse que vai pular de cerca de R4 45 mil para R$ 90 mil segundo nota divulgada na mídia.

Dias antes da sessão, a Fetrafi-RS fez o mesmo questionamento em carta para o governador Eduardo Leite e para o secretário da Fazenda Marco Aurélio Cardoso protocolada pela Casa Civil no dia 15 de abril. Na carta, a Federação solicita esclarecimentos a respeito do que foi publicado na imprensa, uma vez que o percentual de aumento salarial neste caso chegaria a 100%, enquanto que os trabalhadores e trabalhadoras do Banrisul receberam em setembro míseros 5% de reajuste.

Além disso, um reajuste desta magnitude, como diz a carta, “destoa completamente da situação vivida pelos servidores do Estado”, pois para trabalhadores e trabalhadoras de outras áreas fundamentais, como segurança e educação, o salário não vem sendo sequer pago em dia.

A Fetrafi, até hoje, dia 8 de maio, não recebeu resposta do Governo do Estado.

Leia a carta na íntegra neste link.

 

Fonte: fetrafi-RS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + treze =